terça-feira, 3 de maio de 2016

A fé me leva ao impossivel

Texto Base: Hebreus 11: 33-34

Introdução: Há uma força que nos motiva a permanecer firmes enquanto aguardamos o cumprimento das promessas, essa força que nos faz vencer se chama fé. Foi por por meio da fé, que os heróis da bíblia, subjugaram reinos, praticaram a justiça, obtiveram promessas, fecharam a boca de leões, extinguiram a violência do fogo, escaparam ao fio da espada, da fraqueza tiraram força, fizeram-se poderosos em guerra, puseram em fuga exércitos de estrangeiros. 
Esses homens e mulheres citados em Hebreus receberam e desenvolveram a fé por três razões:

1) Se associaram a outros homens de fé -  Fé e incredulidade são opostas entre si, uma há dominar sobre a outra. Alguém que almeja viver no padrão de fé estabelecido por Deus não pode caminhar com quem não tem o mesmo pensamento. Não vai dar certo.

Os heróis citados nestes texto alcançaram esse nivel elevado de fé porque  mesmo distantes de sua terra natal, enfrentando situações adversas não se associaram a incredulos.

Se Daniel tivesse se associado a incrédulos, jamais veria o livramento de Deus. Se Abraão tivesse seguido para a região de sodoma como fez seu sobrinho, as promessas de Deus jamais teriam se cumprido em sua vida. O samista declara no salmo primeiro que bem aventurado, feliz é o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores e nem se assenta na roda dos escarnecedores. Se queremos obter as promessas de Deus precisamos nos associar a pessoas de Fé.

2) Decidiram caminhar com homens santos -  Um dos exemplos claros desse posicionamento é o de Josué que antes de atravessar o Jordão para entrar em Canaã, Josué cobrou do povo, daqueles que estavam ao seu lado que andassem em santidade. Josué disse: Santificai-vos, porque amanhã fará o SENHOR maravilhas no meio de vós. (Js 3:5)

E veja algo interessante: Não foi Deus quem o mandou falar isso ao povo. Ele mesmo entendeu no seu espírito essa necessidade. Josué sabia que só teria vitória se caminhasse ao lado de santos.

3) Decidiram caminhar com os perseverantes

A pior desgraça na vida de um homem é quando ele se associa aos desistidos, aos que veem dificuldade em tudo, aos que são movidos por sentimentos.

Algumas pessoas confundem fé com sentimento, mas na verdade quando tomo posse da fé minhas emoções podem até variar, mas minhas convicções permanecem firmes, daí entro num nível mais profundo de relacionamento com Deus, pois a fé é a linguagem espiritual que Deus compreende. Um homem que tem o desejo de crescer não foge da luta, não desiste nem mesmo em meio às tribulações, caminha com os indesistíveis.

Davi recebeu os amargurados, endividados, pobres, mas não permitiu que eles ficassem do mesmo jeito e fez deles valentes, determinados. Como rei, governo ele jamais caminharia com desistidos.  Se você tem um sonho, lute por ele ao lado de quem sonha. Se você tem projeto, caminhe ao lado de quem tem projeto.

Conclusão: Chegou o tempo de fechar a boca dos leões, da fraqueza tirar força, ser poderoso na guerra, afugentar o inimigo e ver todas promessa se cumprindo, Deus hoje vai liberar sobre você uma fé sobrenatural, para que você viva e desfrute desse tempo. 

terça-feira, 19 de abril de 2016

Minha Segurança é o Senhor



Texto Base: Salmos 91:1-16

Introdução: A insegurança é definida pelo dicionário como “um sentimento de mal-estar geral ou nervosismo que pode ser desencadeado pela percepção de si mesmo ser vulnerável de alguma forma, ou instabilidade que ameaça a própria autoimagem”. A indústria de medicamentos fatura alto em cima desse problema, nunca se vendeu tantos ansiolíticos como em nosso tempo, mas é uma tentativa frustrada, pois a segurança, a paz, a tranquilidade que o homem necessita só pode ser encontrada em Deus.

Em 2 Crônicas 20:20, na parte B do versículo está escrito “Crede no Senhor vosso Deus, e estareis seguros”. Quando entendemos isso, quando vivemos esta verdade, quando lançamos sobre o Senhor toda nossa a nossa confiança, nada, absolutamente nada é capaz de roubar a nossa paz. 

O salmo 91 é conhecido como o salmo da proteção e da segurança e não é por acaso, neste salmo Deus se apresenta como:

1)  Deus Altíssimo, Onipotente

Nosso Deus é grande, seu nome é El Elion, Senhor Altíssimo. No livro do profeta Isaías 40:12 nos deparamos com seguinte questão: “Quem mediu na concha da sua mão as águas, e tomou a medida dos céus aos palmos, e recolheu numa medida o pó da terra e pesou os montes com peso e os outeiros em balanças?   Nosso Deus é tão grande que ninguém jamais conseguirá medir o seu tamanho, nossa vista não tem o poder de alcançar sua altura. Não conseguimos enxergar nem a totalidade da grandeza de sua criação, quanto mais o Criador.

No dia-a-dia, nos deparamos com inimigos terríveis, opressões, angústias, tristezas, tribulações que se levantam contra nós como verdadeiros gigantes diante dos quais, muitas vezes, nos sentimos pequenos, impotentes. Mas todo nível de insegurança é destruída quando entendemos que nossos inimigos podem até ser grandes em relação a nós mesmos, mas em relação ao nosso Deus, eles são insignificantes.   

Querido, nunca esqueça que você serve a um Deus Grande e que tem todo poder nos céus e na terra.

2) Segundo lugar precisamos entender que o nosso Deus é refúgio, proteção

Satanás trabalha dia e noite para nos destruir. Quem já não sofreu o assombro do terror noturno? Quem já não foi atingido por uma seta voa de dia, pela peste que anda na escuridão, ou mesmo já sofreu ameaça da mortandade que assola ao meio-dia? O inimigo mesmo sabendo que já está sentenciado, continua trabalhando contra os servos de Deus, mas nossa vitória é certa, pois não estamos sozinhos, lutamos ao lado do Deus que é refúgio e proteção.

3) Em terceiro lugar precisamos compreender que o Senhor é nossa fortaleza

No mundo não há lugar seguro, o homem tenta proteger seus bens, coloca em cofres, bancos, contrata seguranças, compra carros blindados, mas nada é suficiente para deter a ousadia dos assaltantes. Só há segurança em Deus. Ele é fortaleza, lugar seguro e de proteção. Deus é fortaleza, e nos faz fortes em meio as lutas que precisamos enfrentar.


Conclusão: O salmo 91 não é um amuleto, um texto mágico, mas é Palavra de Deus que nos dá a garantia de proteção contra qualquer ataque do adversário.